O que eu realmente quero que você saiba é que não importa o tempo que passe, o que aconteça ou o que a vida nos ensine. Não interessa quem somos ou quem vamos nos tornar. O que vale é o que carregamos dentro de nós. E você, guarde isso na memória para todo o sempre, eu carrego junto comigo todos os dias.

Clarissa Corrêa. (via auroriar)

(via primaverantecipada)

Eu não uso somente as gavetas para guardar recordações. Eu uso os bolsos dos casacos, da calça. Os fechos da mochila, o fundo da mala. O que eu mais gosto é me comover a toa com uma lembrança antiga. É de repente colocar um casaco, colocar um terno, sem querer mexer no bolso e encontra sua memória viva e reconstituir o endereço e o sentido daquele bilhetinho. A vida é feita de várias repescagens. Não guardo tudo num único lugar. Guardar em um único lugar é túmulo. Deixe a sua vida espalhada pela casa.

Fabrício Carpinejar. (via recomendar)

(via llove-in-the-afternoon)

Não adianta ser fiel ao outro se a gente não é fiel a si. Mas não é simples assim: arenoso descobrir a nossa própria natureza e aceitá-la. Conhecer-me significa também não gostar daquilo que sou e ter que passar o resto da vida ao meu lado. (Fabrício Carpinejar, trecho do livro ‘Borralheiro’, página 213)

O que tem de ser, tem muita força. Ninguém precisa se assustar com a distância, os afastamentos que acontecem. Tudo volta! E voltam mais bonitas, mais maduras, voltam quando tem de voltar, voltam quando é pra ser. Acontece que entre o ainda-não-é-hora e nossa-hora-chegou, muita gente se perde. Não se perca, viu?

Caio Fernando Abreu. (via comovocevive)

(via passatempoo)

Eu coleciono livros da mesma forma que minhas amigas compram bolsas de grife. Às vezes, só gosto de saber que os tenho e lê-los de fato não vem ao caso. Não que eu não termine lendo-os todos, um por um. Eu os leio. Mas o mero ato de comprá-los me deixa alegre - o mundo é mais promissor, mais satisfatório. É difícil explicar, mas eu me sinto, de alguma forma, mais otimista. A totalidade do ato simplesmente me faz feliz. (Jennifer Kaufman, Karen Mack)